Política de cookies

Nós usamos cookies para oferecer aos nossos visitantes uma clara e confortável ao visitar nossa experiência website. Ao utilizar o nosso website você aceitar o uso de cookies; Você pode aprender mais sobre cookies e seu uso em nosso site na secção Política de Cookies.

Associações

A GAES mantém parcerias com várias entidades dedicadas à resolução dos problemas auditivos. O objetivo destas parcerias prende-se com o desenvolvimento conjunto de ações de divulgação e sensibilização sobre os problemas auditivos e a situação das pessoas que sofrem dos mesmos.

Em Espanha, nomeadamente desde 2011, colaboramos em ações formativas e informativas, assim como na divulgação da “Asociación Española de Implantados Osteointegrados” (ASEIBA) com o objetivo que o utilizador se sinta representado e apoiado para conseguir todo o tipo de ajudas, informação e colaboração em todo o país.

Em 2008 chegou-se a um acordo de colaboração com a “Confederación Española de Familias de Personas Sordas” (FIAPAS). Esta foi criada em 1978 para dar resposta às necessidades das pessoas que sofrem de problemas auditivos, assim como às suas famílias. Esta é uma associação de âmbito nacional, formada por 46 entidades, federações autónomas e associações, que constituem a maior plataforma de representação de pais e mães de crianças com problemas de audição em Espanha.

A colaboração entre ambas as entidades prevê desenvolver uma série de ações informativas e de divulgação, de âmbito local e nacional. Na área de formação, a empresa colabora com a FIAPAS em programas de formação e seminários dirigidos a diversas entidades, como escolas ou centros de cultura.

Como especialistas em Audiologia Infantil, em 2011, através da GAES Junior, a GAES colaborou com a FIAPAS (Confederación Española de Familias de Personas Surdas), CODEPEH (Comisión para la Detección Precoz de la Hipoacusia) e a SEORL-FCF (Sociedad Española de Otorrinolaringología y Patología Cérvico-Facial) numa campanha para impulsionar a implementação estatal do Programa sobre a Deteção Precoce da Surdez.

Mediante a instauração universal de um screening auditivo, permite detetar a surdez nos primeiros dias de vida do bebé. Desta forma, permite tratar mais rápida e eficazmente um possível transtorno auditivo. Este programa já se realiza em Espanha desde 2003. Para mais informação sobre esta campanha pode aceder ao site: www.deteccionprecoz.com.