Política de cookies

Nós usamos cookies para oferecer aos nossos visitantes uma clara e confortável ao visitar nossa experiência website. Ao utilizar o nosso website você aceitar o uso de cookies; Você pode aprender mais sobre cookies e seu uso em nosso site na secção Política de Cookies.

Compromisso social

Sensibilização sobre a perda auditiva

Em Portugal cerca de 34 por cento da população com mais de 65 anos sofre de perda auditiva. São cerca de 650 mil pessoas, mas mais de metade da população reconhece nunca ter feito um exame aos ouvidos. Perante esta situação, a GAES promove ações de sensibilização sobre a importância de prestarmos atenção aos ouvidos e prevenirmos possíveis transtornos auditivos mediante exames periódicos.

Ao mesmo tempo, também desenvolvemos um intenso trabalho para denunciar as situações que nos rodeiam e que podem afetar a nossa saúde auditiva, como a contaminação acústica. Mais de 60% da população portuguesa vive com níveis de ruído acima dos valores recomendados pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que se situam nos 55 decibéis (dB), segundo dados da Direção Geral do Ambiente (DGA). Destes, 19% da população está mesmo exposta a níveis de poluição sonora acima dos 65 dB. 

 

Cuidar da saúde da nossa audição é uma medida de prevenção básica para evitar que surjam transtornos auditivos no futuro. Um inquérito feito pela GAES revela que o ouvido é o segundo sentido mais importante, a seguir à visão.

Os problemas auditivos constituem um grave problema de saúde, que tem vindo a agravar-se nos últimos anos. Perder capacidade auditiva provoca exclusão social e gera dificuldades de relacionamento com o meio envolvente, caso não sejam tomadas medidas adequadas para resolver o problema. Por esta razão, a deteção precoce tem um papel decisivo.